A expansão do banco estatal de fomento, uma das estratégias de reação à crise, é um dos pontos mais criticados pela oposição na política econômica dos governos Lula e Dilma Rousseff (Divulgação/BNDES)
Investimentos

Diretor do BNDES defende aportes o Tesouro ao banco

"Utilizar termos como esse é meio uma desqualificação ao empresário. Ele dá a noção de que esse País não tem empresários qualificados, que fazem cálculos econômicos racionais", disse Ferraz