Em mercados / politica

Ex-governador Anthony Garotinho é preso pela PF enquanto apresentava programa de rádio, no Rio

O político apresentava um programa na Rádio Tupi quando o mandado foi cumprido por três agentes

SÃO PAULO - Pouco menos de dez meses após ter sua prisão revogada, o ex-governador do Rio Anthony Garotinho voltou a ser preso pela Polícia Federal na manhã desta quarta-feira (13). Os agentes cumpriram um mandato de prisão domiciliar.

Garotinho apresentava seu programa diário na Rádio Tupi, em São Cristóvão, quando o mandado foi cumprido por três agentes que o esperavam por volta das 10h30 (horário de Brasília).

O ex-governador é réu pela Operação Chequinho, que investiga suposta fraude nas eleições municipais de Campos (RJ), com o uso irregular de um programa assistencial. Em novembro, ele chegou a ser preso preventivamente, mas obteve habeas corpus do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) mediante pagamento de fiança.

Anthony Garotinho
(Agência Brasil)

Contato