Em mercados / politica

Aliados de Temer têm em mãos dossiê com caminhos para anular delação da JBS, informa jornal

Segundo a coluna Painel, da Folha, o  documento elenca itens que poderiam dar base formal a diversos questionamentos sobre o acordo firmado com o Ministério Público Federal

SÃO PAULO - Em meio a um novo episódio da crise política com as declarações do empresário Joesley Batista à revista Época, em que afirmou que Michel Temer é "o chefe da quadrilha mais perigosa do Brasil", a coluna Painel, da Folha de S. Paulo, informa que os aliados do presidente têm em mãos um dossiê jurídico que mostra caminhos para pedir a anulação da delação dos irmãos Batista.

Segundo a coluna, o  documento elenca itens que poderiam dar base formal a diversos questionamentos sobre o acordo firmado com o Ministério Público Federal. O documento possui trinta páginas e questiona a competência do ministro do STF Edson Fachin para homologação da delação da JBS, tema que será julgado pelo STF na próxima quarta-feira.

Ainda de acordo com a coluna, os ministros do STF vêm reclamando, reservadamente, do que chamam de açodamento da Procuradoria Geral da República na formulação de denúncias contra políticos ao apontarem que, em muitas vezes, a Justiça rejeita denúncias que não estão acompanhadas de provas suficientes. Esse cenário, dizem, empurra para o Judiciário a pecha de ineficaz. Os mesmos ministros dizem que o acordo da JBS deveria ter sido avaliado pelo plenário do STF.

 

Michel Temer
( Beto Barata / PR)

Contato