Em mercados

Eunício defende 'previsibilidade' na política de preços da Petrobras

"A Petrobras errou quando fez vários aumentos no preço da gasolina", disse o presidente do Senado

Eunício Oliveira
(Ana Volpe/ Agência Senado)

O presidente do Senado, Eunício Oliveira (MDB-CE), defendeu nesta terça-feira, 12, que a Petrobras deve ter uma política de "previsibilidade" de preços e que a Agência Nacional do Petróleo (ANP) participe da discussão sobre a formação do valor do combustível.

"Apesar de todo respeito que eu tenho pela empresa, nós estamos preocupados com o consumidor. A Petrobras errou quando fez vários aumentos no preço da gasolina", disse ele, após se encontrar com o novo presidente da estatal, Ivan Monteiro.

Para Eunício, deveria ser papel da ANP, agência reguladora do setor, regular também o preço dos combustíveis.

Monteiro assumiu o comando da estatal no dia 1º de junho, após o seu antecessor, Pedro Parente, renunciar ao cargo na esteira da crise causada no País pela greve dos caminhoneiros.

Após o encontro com Eunício, o novo presidente da Petrobras também afirmou que apoiava a consulta pública da ANP para discutir a periodicidade do repasse dos reajustes dos preços dos combustíveis.

Contato