Em mercados

Para o mundo, é mais provável uma guerra entre EUA e Coreia do que impeachment de Trump, mostra Ipsos

50% dos entrevistados acreditam que a Rússia vai aumentar sua influência em assuntos globais, enquanto 59% acham que a China se tornará a maior economia do mundo

Donald Trump e Kim Jong Un
(Reprodução)

SÃO PAULO - Uma pesquisa realizada pela Ipsos no fim de 2017 mostra que a maior parte da população global está otimista com o ano que está começando. O levantamento, feito com 21 mil pessoas em 28 países, também aponta o que as pessoas estão esperando de grandes eventos que estão no radar e que podem acontecer em 2018.

De acordo com a pesquisa, cerca de 35% dos entrevistados acreditam que, este ano, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, sofrerá um impeachment. Esta é uma expectativa menor que os 42% que esperam que os EUA e a Coreira do Norte iniciem uma guerra nos próximos meses.

Para o cenário europeu, 50% dos entrevistados acreditam que a Rússia vai aumentar sua influência em assuntos globais, enquanto 48% afirmam que Angela Merkel manterá o cargo de chanceler da Alemanha. No caso da China, 59% das pessoas que responderam a pesquisa acreditam que o país se tornará a maior economia do mundo.

Sobre o cenário de otimismo, três em cada quatro pessoas acreditam que este ano será melhor que 2017. O Brasil aparece entre os mais otimistas, onde 8 a cada 10 pessoas acreditam em um cenário melhor.

De acordo com o levantamento, este "bom humor" ocorre porque 64% dos entrevistados no país disseram que 2017 foi um ano "ruim". Lideram a pesquisa a Colômbia e o Peru, onde 93% das pessoas estão otimistas com este ano.

Contato