Em mercados

Índice Ifo de sentimento das empresas alemãs renova máxima histórica em julho

Resultado foi acima do mercado e revela a "euforia" do setor corporativo alemão

Bandeira Alemanha
(Shutterstock.com)

O índice de sentimento das empresas da Alemanha subiu para 116 em julho, de 115,2 em junho, atingindo máxima histórica pelo terceiro mês consecutivo, segundo o instituto alemão Ifo. O resultado surpreendeu analistas consultados pelo The Wall Street Journal, que previam queda do indicador a 114,9.

Na avaliação do presidente do Ifo, Clemens Fuest, o sentimento no setor corporativo alemão é de "euforia" e a economia do país "avança a todo vapor".

Apenas o subíndice de condições atuais subiu para 125,4 em julho, de 124,2 em junho. Já o subíndice sobre as expectativas das empresas para os próximos seis meses aumentou neste mês a 107,3, de 106,8 em junho.

O Ifo entrevista cerca de 7.000 empresas dos setores de manufatura, construção, atacado e varejo para sua pesquisa mensal. Fonte: Dow Jones Newswires.

Contato