Em mercados / agro

Processamento de cana deve recuar 5% na safra 2018/19

Números foram divulgados pela DATAGRO Consultoria em evento realizado em Ribeirão Preto

Cana de açúcar
(Cq photo juy)

A moagem de cana-de-açúcar na região Centro-Sul deve totalizar 577 milhões de toneladas na safra 2018/19. O número indica uma queda de 5,2% sobre o resultado do ano passado. Os dados foram divulgados hoje (14), pelo presidente da DATAGRO Consultoria, Plinio Nastari, durante o Abertura de safra Cana, Açúcar e Etanol 2018/19, realizado em Ribeirão Preto, São Paulo.

A projeção sobre o mix de açúcar na região também foi revisada de 43,5% para 42,9%. Segundo a consultoria, esse cenário foi influenciado pela alta no consumo de etanol hidratado no mercado interno, aliado ao quadro de superávit no balanço mundial, que deve se manter por mais uma temporada.

Diante disso, a previsão sobre a produção de açúcar no Centro-Sul em 2018/19 caiu de 32,20 para 31,60 milhões de toneladas, uma queda de 4,46 milhões de toneladas com relação à produção de safra 2017/18 (36,06 milhões de toneladas).

Ainda para a temporada 2018/19, a consultoria projeta uma redução de 5,2% na oferta total de Açúcar Totais Recuperáveis (ATR).

Etanol – Durante o evento, a previsão sobre a produção de etanol no Centro-Sul foi levemente revisada para cima, de 26,34 para 26,48 bilhões de litros. Desse montante 10,84 bilhões de litros são de etanol anidro (86 milhões a partir do milho) e 15,64 bilhões de litros de hidratado (520 milhões a partir do milho).

Contato