Em mercados / acoes-e-indices

Índice de ADRs Brazil Titans tem leve queda; Vale sobe mais de 1% e Petrobras cai seguindo commodities

Em dia de feriado no Brasil, índice tem baixa na NYSE, mas blue chips têm movimentos divergentes

SÃO PAULO - Em dia sem atividades na Bolsa brasileira por conta do feriado de 12 de outubro, o índice Brazil Titans 20, que reúne os principais ADRs (American Depositary Receipt) de empresas nacionais negociados em Wall Street, registra leve baixa, em linha com o desempenho das principais bolsas mundiais. Às 10h42 (horário de Brasília), o índice negociava em queda de 0,22%, a 23.828 pontos. 

Na Bolsa de Nova York, o dia é de leve baixa, com os investidores digerindo o início da temporada de balanços, que trouxe os números do JPMorgan e do Citigroup. Já entre os papéis brasileiros, o maior impacto acontece por conta do desempenho das commodities

Os papéis da Vale (VALE3;VALE5) registravam ganhos de 1,73%, a US$ 9,97, em um dia de alta para o minério de ferro após dois dias de baixa. A commodity à vista negociada em Qingdao, na China, fechou com alta de 0,74%, a US$ 60,09 a tonelada, enquanto o contrato futuro negociado na bolsa de Dalian tinha ganhos de 1,61%, a 441 iuanes. 

Já a Petrobras (PETR3;PETR4) vê os seus papéis registrarem baixa de cerca de 1% seguindo o desempenho do petróleo. O brent tem queda de 1,51%, a US$ 56,08 o barril, enquanto o WTI tem baixa ainda maior, de 1,97%, a US$ 50,29, em meio aos dados preliminares de estoque de petróleo nos EUA apresentados pelo API, mostrando um aumento de 3,1 milhões de barris. 

Bolsas internacionais
Na Europa, alguns eventos são destaque: o mercado se atenta para as palavras da diretora-geral do FMI (Fundo Monetário Internacional), Christine Lagarde, que falará na abertura da reunião do Fundo. Atenção ainda para a forte queda da libra, em baixa de 0,6% ante o dólar, em meio ao impasse sobre o Brexit. De acordo com o negociador europeu, o processo de separação do Reino Unido da União Europeia afirmou nesta quinta-feira os debates alcançaram um "ponto morto", ainda que tenha indicado que pode haver progressos decisivos nos próximos dois meses. 

Atenção ainda para a Catalunha: o requerimento enviado pelo governo espanhol ao chefe do Executivo da Catalunha dá prazo de cinco dias (até segunda-feira, 16) para que a Generalitat confirme se declarou a independência da região. O documento estabelece ainda que o presidente catalão tem até quinta-feira (19) para retificar a decisão e restaurar a ordem constitucional.

Nos EUA, além dos estoques de petróleo, atenção para os dados de preço ao produtor, que subiram 0,4% em setembro, em linha com o esperado, uma vez que o preço da gasolina registrou seu maior aumento em mais de dois anos devido às interrupções da produção em refinarias do Texas causadas pelo furacão Harvey. Os indicadores de inflação têm sido observados com lupa pelo Federal Reserve, que mostrou na ata do Fomc divisão sobre uma alta de juros já em dezembro em meio aos patamares ainda baixos de preços. 

A visão mais cautelosa do Fed fez com que as ações asiáticas atingissem um pico de 10 anos nesta quinta-feira. O índice japonês Nikkei .N225 fechou em alta de 0,35 por cento depois de chegar perto dos 20.994,40 pontos, valor mais alto desde novembro de 1996. O Kospi .KS11 sul-coreano subiu 0,68 por cento e marcou um novo pico recorde, e o Hang Seng .HSI, de Hong Kong, alcançou a maior alta de uma década.

(Com agências internacionais)

ações

Contato