Em mercados / acoes-e-indices

Ibovespa cai forte com correção, mercado externo e rumores; dólar vira para alta

Índice tem queda após fortes altas nos últimos pregões; no radar estão a indicação do novo ministro da Fazenda de de reajuste nos preços da gasolina

SÃO PAULO - O Ibovespa tem queda no primeiro pregão de novembro com movimento de correção após fortes altas nos últimos dias. Na sexta-feira (31), a Bolsa subiu 4,38%. Notícias de que o ex-presidente do Banco Central, Henrique Meirelles estaria mais perto de ser indicado ao Ministério da Fazenda devem agitar o mercado. Às 14h28 (horário de Brasília), o índice caía 2,36%, a 53.340 pontos. Já o dólar, virava para alta de 1%, a R$ 2,50 depois de abrir o dia em queda.

De acordo com informações do Valor Econômico, a resistência da presidente Dilma Rousseff (PT) ao nome do empresário teria diminuído nos últimos dias. Meirelles é o favorito do ex-presidente Lula para o cargo.

Enquanto isso, mercado ainda espera a discussão do reajuste dos preços da gasolina pelo Conselho de Administração da Petrobras, adiado para a terça-feira (4). O aumento do preços dos combustíveis afetará positivamente os caixas da Petrobras (PETR3; PETR4) que foram prejudicados enquanto durou a defasagem entre os valores do combustível aqui e lá fora. Segundo o serviço Broadcast apurou, as denúncias de corrupção na estatal e a pressão por um aprofundamento nas investigações internas causaram a interrupção da reunião ordinária. 

Além disso, a PriceWaterhouseCoopers, auditora dos resultados financeiros da Petrobras, recusou-se a aprovar o balanço do terceiro trimestre da petroleira e exigiu mais investigações internas sobre o suposto esquema de desvio de dinheiro da estatal, segundo reportagem publicada no último sábado pelo jornal O Estado de S. Paulo. Ações da petrolífera ON e PN caem 3,48%, a R$ 14,14 e 3,66%, a R$ 14,72, respectivamente.

Destaques
No noticiário corporativo, já existe a possibilidade de que as Lojas Americanas (LAME4) possam permitir que os investidores apliquem apenas no seu negócio, sem estarem expostos à sua controladora B2W. A mudança teria sido cogitada por conta da diferença entre os resultados de uma e de outra.

Também afeta o mercado, o rebaixamento da RBC Capital para as ações da Embraer (EMBR3) de outperform (desempenho acima da média) para sector perform, equivalente a neutro.

Um dos destaques negativos fica com as ações do Santander (SANB11), que registram desvalorização de 5,84% e são cotadas a R$ 12,57. Units do banco espanhol caem desde a OPA com a perda de liquidez e venda generalizada por fundos ativos e passivos dos papéis da instituição financeira.

Por outro lado, o melhor desempenho fica com os papéis Oi (OIBR4), que são cotados a R$ 1,35 e apresentam forte alta de 3,85%.

As maiores baixas dentre as ações que compõem o Ibovespa são:

Cód. Ativo Cot R$ % Dia
 DTEX3 DURATEX ON 8,24 -7,42
 BRML3 BR MALLS PAR ON 18,61 -6,48
 SANB11 SANTANDER BR UNT 12,58 -5,77
 CCRO3 CCR SA ON 17,50 -5,15
 JBSS3 JBS ON 10,49 -5,07

 

As maiores altas dentre as ações que compõem o Ibovespa são:

Cód. Ativo Cot R$ % Dia
 OIBR4 OI PN 1,35 +3,85
 QUAL3 QUALICORP ON 25,88 +2,70
 PDGR3 PDG REALT ON 1,24 +1,64
 TIMP3 TIM PART S/A ON 13,58 +0,82
 HYPE3 HYPERMARCAS ON 17,45 +0,81

 

Cenário Externo
Nos EUA, as bolsas abriram em queda moderada com duas horas e meia de atraso em relação à brasileira por conta do horário de verão. Investidores colocaram na balança as previsões para o crescimento da economia global e iniciaram um movimento de venda de ativos.

Ásia e Europa eram movimentadas pelo PMI do setor de serviços da China, que cresceu em outubro no seu ritmo mais lento em nove meses, à medida que um setor imobiliário desaquecido pesava sobre a demanda, mostrou a pesquisa Índice Gerente de Compras (PMI, na sigla em inglês), acrescentando sinais de fragilidade na segunda maior economia do mundo. O PMI oficial do país para o setor de serviços caiu para 53,8 em outubro, frente a 54,0 de setembro, leitura mais fraca desde janeiro, informou o Departamento Nacional de Estatísticas.

Bolsa de Tóquio não abriu devido a feriado, mas o ministro da Economia do país disse que o governo deve implementar novo estímulo fiscal.

Já na Europa, a atividade industrial da zona do euro cresceu no mês passado de modo ligeiramente mais lento do que se estimava, uma vez que mais descontos na porta de fábricas não conseguiu impulsionar as encomendas, mostrou o PMI.

painel com cotações
(Divulgação)

Contato