Em copel

Copel recua mais de 10% após confirmar que estuda oferta de ações

Segundo jornal, estatal deve captar R$ 4 bilhões; potencial recurso será utilizado para reforçar o caixa

Copel 08 - Fachada
(Divulgação Copel)

SÃO PAULO - As ações preferenciais classe B da Copel (CPLE6) recuam forte após a estatal paranaense confirmar que avalia uma eventual oferta de ações. Às 11h22, horário de Brasília, os papéis apresentavam queda de 10,67%, cotados a R$ 24,84.

Segundo a empresa, "a oferta de ações faz parte de um estudo abrangente de otimização de caixa", em linha com o plano estratégico traçado no começo do ano. A afirmação foi feita após questionamento da B3 sobre matéria publicada no Valor Econômico, que diz que a empresa planeja captar R$ 4 bilhões via a oferta.

"A Copel manterá o mercado devidamente informado sobre quaisquer atualizações relevantes relacionadas ao
assunto", informou a estatal paranaense de energia.

Contato