Em conteudo-patrocinado

Entenda como economizar no câmbio e encontrar a melhor taxa em viagens internacionais

Busca em diferentes casas de câmbio e corretoras é fundamental para pagar menos

O câmbio pode ser um dos maiores custos em viagens internacionais, e isso tem feito cada vez mais pessoas compararem as cotações nas principais instituições do país em busca da melhor taxa. De olho nesse mercado crescente, a maior correspondente cambial do Brasil, a Abrão Filho Câmbio & Capitais, criou e consolidou um comparador voltado especificamente para que pessoas físicas troquem o dinheiro com as melhores cotações antes de viajar: o Cambiar.

O site trabalha com 20 moedas estrangeiras, disponibilizando cotações das principais corretoras e casas de câmbio do Brasil, com pontos de venda em todas as regiões. Com operações ininterruptas em todos os dias da semana, é possível solicitar a entrega da moeda em casa ou, se decidir comprar em cima da hora, optar pela retirada no aeroporto no momento da viagem. Para consultar as cotações de câmbio na sua cidade, clique aqui.

Uma busca feita no fim de maio em São Paulo, por exemplo, mostra a cotação do dólar turismo variando de R$ 3,3544 a R$ 3,4262. A busca pela moeda norte-americana é o carro-chefe do site, que é seguida pela cotação do euro e pela cotação da libra esterlina. As outras moedas respondem, juntas, por apenas 10% de todas as simulações feitas no site, mas essa parcela tem ganhado mais relevância nos últimos anos. 

Lançado em 2011, o Cambiar também oferece as modalidades de cartão pré-pago, recarga de cartão pré-pago e remessas internacionais. Para esse ano, a empresa está lançando uma novidade: cotações de câmbio comercial e operações para pessoas jurídicas. Nesse segmento, a plataforma vai indicar as instituições financeiras de middle market parceiras do site, mostrando os spreads por moeda e o patamar de valor.

Todas as funcionalidades também estão disponíveis no aplicativo, disponível na Apple Store e no Google Play. A ideia é permitir que as consultas possam ser feitas a todo momento, em qualquer lugar, de modo a encontrar a melhor cotação com mais facilidade.

O Cambiar é um correspondente credenciado pelo Banco Central e trabalha apenas com casas de câmbio controladas por instituições financeiras, garantindo mais segurança nas transações.

Como funciona o mercado de câmbio

O mercado de câmbio se divide em duas modalidades: câmbio comercial, usado principalmente por empresas para transações como compra ou venda de mercadorias e matérias-primas, e o câmbio turismo, utilizado por pessoas físicas para as viagens ao exterior.

Diferentemente do que algumas pessoas imaginam, não há uma taxa mínima que as casas de câmbio devem seguir. Quando é anunciado o fechamento do dólar, por exemplo, esse valor faz referência apenas a uma taxa média praticada no mercado, que é livremente negociada.

O Banco Central é responsável apenas por regulamentar e fiscalizar o mercado de câmbio, assim como por listar as instituições financeiras autorizadas a operar. Não há nada que impeça, portanto, as casas de câmbio de cobrarem taxas maiores ou menores, e isso explica a possibilidade de grandes variações de valores na hora de trocar o dinheiro para viagens.

Para encontrar as melhores taxas de câmbio para viajar, clique aqui e faça uma cotação no site do Cambiar.

 

Contato