Em carreira

Trabalhar na empresa da família não significa vida fácil, muito menos acomodação, diz executiva

Gabriela Baumgart fala sobre trajetória profissional, gestão e inovação com respeito à tradição

SÃO PAULO - Gabriela Baumgart trabalha na empresa da família, mas isso não significa que sua trajetória profissional foi fácil. Ela é advogada formada, chegou a ser sócia de escritório de advocacia e começou na empresa de seus familiares como assistente. Hoje, assume a posição de coordenadora do comitê de estratégia e inovação da CCN, dona dos shoppings Center Norte, Lar Center, Expo Center Norte e do Novotel.

Ao Ela S.A., Baumgart conta sua trajetória profissional dentro de uma grande empresa familiar. Membro da terceira geração familiar dentro da CCN, ela entende que negócios neste formato devem ser geridos com outro tipo de atitude. “Existe uma relação de respeito, de confiança”, comenta.

A sucessão sem interferência de méritos familiares é apenas um dos desafios, que deve ser facilitado pelos acionistas e Conselhos. “Importante também em uma empresa familiar é você estar pronto para inovar”, opina. “Com muito respeito pelo que foi construído, mas nunca se acomodar”

Confira a entrevista completa no player acima ou na InfoMoneyTV a partir das 15h40 nesta quarta-feira (21).

Contato