Qual é a deles?

Os investidores estrangeiros já colocaram na bolsa este ano R$7,3 bilhões, de acordo com dados divulgados pela Bovespa. Ao mesmo tempo, o índice Ibovespa apresenta uma queda de 10% ao longo do ano
Blog por Rossano Oltramari  

Os investidores estrangeiros já colocaram na bolsa este ano R$7,3 bilhões, de acordo com dados divulgados pela Bovespa. Ao mesmo tempo, o índice Ibovespa apresenta uma queda de 10% ao longo do ano. Fazendo uma análise simples, poderíamos concluir que os investidores estrangeiros estão com o “pé trocado” no mercado, acumulando prejuízos ao longo do ano.

Porém, ao nos depararmos com a informação abaixo, tudo muda de lugar. Os investidores estrangeiros são os maiores vendedores de contratos futuros do Ibovespa na BM&F, em um movimento claro de aposta na queda futura do Ibovespa. 

Qual é a lógica disso? Pessoal, esta é uma operação clássica no mercado, muito utilizada por investidores mais sofisticados, no qual se faz uma posição “comprada” no mercado a vista de ações e, ao mesmo tempo, uma posição “vendida” no mercado futuro. Esta é uma operação na qual o investidor fica “travado” no mercado e ganha a taxa de juros embutida entre o preço a vista e o preço futuro.  Para conceituar o preço futuro, podemos dizer que o preço futuro é o preço a vista mais uma taxa de juros até o vencimento.

Portanto, se você está “travado”, você não ganhará nem com a alta e nem com a baixa, mas ganhará a taxa de juros que está embutida entre o preço a vista e o preço futuro.

Esta é a minha interpretação do movimento que o investidor estrangeiro está fazendo na BM&FBovespa em 2013. Até segunda ordem, estão travados.

  

Bons investimentos

Importante: As opiniões contidas neste texto são do autor do blog e não necessariamente refletem a opinião do InfoMoney.

Perfil do blogueiro

É administrador de empresas, com especialização em Finanças pela UFRGS. Desde 2003, é sócio da XP Investimentos, exercendo várias funções ligadas ao mercado de capitais..

Deixe seu comentário